Bom dia a todos e bem vindos para esse flash-review do jogo One Piece Odyssey, um RPG de aventura com combate por turnos produzido pela ILCA e distribuído pela Bandai Namco. Confira a Sinopse:

O famoso pirata, Monkey.D.Luffy, mais conhecido como Luffy Chapéu de Palha, e sua Tripulação do Chapéu de Palha, estão navegando pelo Novo Mundo em busca da próxima ilha e da próxima aventura que os aguarda. No entanto, durante a viagem, eles são pegos por uma tempestade. A tripulação percebe que ficou encalhada em uma ilha tropical cercada por tempestades violentas constantes…

Dito isso, vamos começar?

| O JOGO

One Piece Odyssey é o mais recente lançamento de uma série de jogos baseados no mangá e anime One Piece, que já ultrapassou a marca de 1.000 episódios lançados. O game segue a aventura de Luffy e seu bando de piratas em uma ilha após um acidente com seu navio.

| A CAMPANHA

A história se passa na ilha de Waford, após o bando Piratas do Chapéu de Palha serem encurralados por uma tempestade forte e misteriosa. Com o Sunny aos destroços e naufragando na baía da ilha, o grupo agora precisa explorar a ilha em busca de materiais para consertar o navio e poder escapar, contudo nem tudo são flores e eles irão passar por vários obstáculos.

Ao explorarmos um pouco a ilha, conhecemos o misterioso pirata Adio, que está preso pelas mesmas circunstâncias e se propõe a nos ajudar na aventura. Também conhecemos a nativa Lim, que não gosta de piratas (por achar que todos são maus) e basicamente remove todas as habilidades dos nossos personagens e espalha na forma de cubos pela ilha. Já viram o problema né? Ter agora que recuperar todos os cubos…

Durante a campanha vamos reviver várias sagas icônicas da série por meio de “memórias”, passando pelos arcos de Alabasta, Water 7, Dressrosa e Marineford, o que é maravilhoso para quem já assistiu o anime ou acompanha os mangás. Contudo as memórias focam nos acontecimentos principais e trazem a história de uma forma resumida.

| O GAMEPLAY

O jogo procurou trazer um novo estilo de gameplay para a série de games, neste caso o estilo é um JRPG de turnos, bem diferente do estilo dos outros jogos (que se baseava mais na pancadaria). No game contamos com uma mecânica simples de elementos que têm vantagem um sobre o outro ao estilo “pedra, papel e tesoura”: Poder (ícone de um punho vermelho), Velocidade (ícone de uma arma amarela) e Técnica (ícone de uma espada verde). Combinando os personagens e habilidades corretos conseguimos uma vantagem de dano nos inimigos, e escolhendo errado nossos ataques serão mais fracos.

One Piece Odyssey

Uma excelente escolha foi o fato de podermos jogar com todos os personagens principais desde o começo e poder alternar entre eles a qualquer momento durante os combates. O game também conta com um sistema de “laços de amizade” onde personagens específicos conseguem dar um golpe especial combinado. O primeiro desse estilo que desbloqueamos é o combo de Usopp, Zoro e Chopper após revivermos uma memória particular que ocorreu entre os três.

Os capítulos do jogo seguem parte na ilha de Waford e parte nas memórias dos arcos originais que são contados de forma resumida. Algumas partes são jogáveis e outras são contadas em forma de história. Ao final de cada arco enfrentamos o “chefe” específico daquela história.

O jogo também conta com um sistema simples e equipamentos, onde melhoramos alguns atributos dos personagens equipando e combinando itens que são obtidos em baús espalhados pelo mapa ou quando derrotamos alguns inimigos.

O gameplay é bem simples e segue o estilo tradicional e uso de itens de poção (cura, energia, etc), ataque básico e habilidades diversas, além do combo entre personagens conforme você for destravando os mesmos. Os golpes são bem fiéis aos do anime e possuem animações bem bonitas e legais.

One Piece Odyssey

A história foi muito bem desenvolvida para ser encaixada sem forçar a barra demais na história principal do anime e é o ponto principal do game. Você ficará bem imersivo ao acompanhar as missões principais do jogo. Já as missões secundárias não influem e nem acrescentam nada e podem ser puladas sem problemas, exceto para os caçadores de conquistas, que terão que fazer tudo.

| ACESSIBILIDADE, IDIOMAS e DIFICULDADE

O jogo está legendado em Português do Brasil e dublado em japonês com a voz original do anime, inclusive a do narrador. O game possui um nível de dificuldade relativamente fácil, desde que você explore e maioria dos mapas e evolua os personagens nas batalhas, ah… também é legal ir equipando os itens encontrados.

| IMAGENS

| CONCLUSÃO

Excelente jogo para quem curte o estilo JRPG de turnos e principalmente quem curte o anime e o mangá e quer reviver alguns dos melhores arcos de história. A jogabilidade é muito boa, a história é interessante e o gameplay bem divertido. Recomendo a quem estava sentindo falta de jogos do estilo. O game possui 50 conquistas e possui uma estimativa de 50 a 60 horas para ser completado, segundo o site do TrueAchievements.

  • Está sem Game Pass Ultimate? Então clique aqui e garanta já o seu com desconto.

| OUTROS DETALHES

INFORMAÇÃODESCRIÇÃO
VisualTerceira Pessoa
TipoRPG de Turno
Modo de jogoSingle-Player
Conexão necessáriaNão
Número de Conquistas50
Tempo para 100%50-60h

Esta interessado no jogo? Então clique aqui em baixo e compre pela nossa loja, sem custos adicionais, muita ajuda para nós!

Jogo oferecido pela ILCA, Bandai Namco e TheoGames. Foi reproduzido no Xbox Serie S


Não deixe também de conferir todas as promoções que estão rolando na Xbox Live acessando nosso link de ofertas. E se você estiver querendo acessar os jogos do catálogo do Game Pass e sua assinatura estiver acabado não se desespere, você pode renovar seu Xbox Game Pass Ultimate usando esse link com desconto.

Autor

  • DarthMirous

    Meteorologista e Químico de formação, Gamer de coração. Adora quase todos os tipos e estilos de jogos, também curte rock, séries e filmes. Veio pro lado verde em 2015 e desde então é caixista de carteirinha. Forza e Battlefield são suas franquias favoritas. Ah, e World of Warcraft é o melhor MMO!

    View all posts